quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

HOJE COMEÇA O ANO NOVO CHINÊS - ANO DA CABRA


O ano 4713, segundo o calendário chinês, começa hoje, dia 19 de fevereiro de 2015. Mais conhecido pela "Festa da Primavera" ou "Ano Novo Lunar", é a festividade tradicional mais importante do calendário chinês. Este ano será o ano da cabra.
Baseado no calendário lunisolar, as celebrações começam no primeiro dia do primeiro mês lunar e termina no dia quinze, quando se celebra o "Festival dos faróis". Durante este período, acontece a maior migração humana do planeta, o "movimento da primavera", com milhões de pessoas a viajar para os seus lugares de origem, para celebrar com as suas famílias.
O ano novo chinês, não é fixo. Ele surge sempre no dia da lua nova mais próximo ao dia equidistante entre o solstício de inverno e o equinócio da primavera, do hemisfério norte.
Os chineses relacionam cada novo ano a um dos doze animais que terão aparecido ao chamamento de Buda, para uma reunião. Apenas doze animais se apresentaram na referida reunião. Buda, em reconhecimento das suas presenças, tê-los-à transformado nos signos da astrologia chinesa.
Os doze animais do horóscopo chinês, a que correspondem os anos chineses, são, de acordo com a ordem com que se teriam apresentado a Buda: rato, búfalo, tigre, coelho, dragão, serpente, cavalo, cabra, macaco, galo, cão e porco.


Por tradição, a cor utilizada na passagem do ano, é o vermelho. Os chineses acreditam que a cor vermelha afugenta os espíritos e a má sorte. Por outro lado, é a cor da sorte (fortuna).
Quando o relógio marca meia noite, todos comem um bolinho chinês cozido chamado "guioza". Os mais velhos oferecem aos mais novos e solteiros, um envelope vermelho com dinheiro, que por superstição não deve ser aberto na frente de quem o oferece.
Quanto ao ano da cabra, saiba-se que nenhum chinês quer ter um filho neste ano. Porquê? Simplesmente porque, sendo a cabra um animal submisso e que só serve para abate, as crianças nascidas neste ano, crescerão para serem seguidores e nunca líderes. Por outro lado, estão também destinadas à desilusão, a casamentos fracassados e má sorte nos negócios.

Sem comentários: